logo RCN
Acidente

Morre a segunda vítima de explosão em Rio do Sul

  • Divulgação / Redes sociais -

Raissa Pacheco, de 15 anos, tornou-se a segunda vítima fatal da explosão de etanol em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí. A tragédia, que ocorreu no dia 11 de novembro, resultou em três pessoas gravemente feridas.

Após quase um mês lutando pela vida na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), Raissa, que sofreu queimaduras em 80% do corpo, faleceu em decorrência dos ferimentos.

O acidente, que inicialmente atingiu Raissa, seu irmão Miguel Pacheco, de 8 anos, e sua mãe Cinara Pacheco, de 45 anos, causou a morte de Miguel em um primeiro momento. A explosão seguida de incêndio devastou a casa de madeira onde a família vivia, levando à internação das vítimas com ferimentos graves.

Cinara, mãe das crianças, também foi gravemente afetada, sofrendo queimaduras de terceiro grau em 50% do corpo. Ela permanece hospitalizada, enfrentando as consequências desse terrível acidente.​

Cachorro enterrado vivo em Pouso Redondo é adotado Anterior

Cachorro enterrado vivo em Pouso Redondo é adotado

Prefeitura de Rio do Sul lança concurso público para diversos cargos Próximo

Prefeitura de Rio do Sul lança concurso público para diversos cargos

Deixe seu comentário