Foto: Lucimara Nascimento

A manhã desta terça-feira (1) iniciou com manifestação de caminhoneiros em Santa Cecília, com paralisação no km 133, da BR-116. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a rodovia foi interditada às 5 horas em ambos os sentidos da via, para passagem de caminhões, trafegando somente veículos de emergência e de passeio.

Publicidade

De acordo com a PRF, os caminhões permaneceram no acostamento da rodovia. No início da manhã, cerca de 150 caminhões estavam no local, sem congestionamento. A Autopista Planalto Sul, concessionária responsável pela rodovia, emitiu nota esclarecendo que o grupo manifestante não informou sobre o término da ação, orientando que motoristas trafeguem com cuidado pelo local. Além disso, a concessionária informou que, junto com a PRF, está cuidando da segurança do quilômetro onde há a paralisação.

Os caminhoneiros lançaram informativo sobre os motivos da mobilização nacional. Entre as reivindicações, estão mais segurança na estrada, aposentadoria diferenciada e redução no preço dos combustíveis.

Confira a nota da Autopista na íntegra:

“A Autopista Planalto Sul, concessionária do Grupo Arteris, informa que a rodovia BR-116 permanece parcialmente bloqueada desde as 5 horas desta terça-feira (1), na altura do Km 133, município de Santa Cecília. O motivo é greve geral dos caminhoneiros já informada na tarde de ontem através de ofício endereçado à Polícia Rodoviária Federal pela União de Defesa da Cidadania e Combate à Corrupção.

No local, cerca de 150 manifestantes ocupam o pátio do posto localizado no entroncamento com a SC-350. Outros pontos de manifestações já foram detectados na BR-116, no Km 184, município de São Cristóvão do Sul, no entroncamento com a BR-470, e Km 245 município de Lages, no entroncamento com a BR-282.

A manifestação atinge somente caminhoneiros, sendo que veículos leves e ambulâncias estão passando normalmente pelo local. Orientamos os motoristas que trafeguem com cuidado pelo local. A concessionária, em parceria com a PRF trabalha para manter a segurança dos usuários da rodovia”.

Deixe seu comentário

comentários

COMPARTILHAR