Foto: Divulgação/Prefeitura de Salete
(Last Updated On: 27 de outubro de 2017)

Na manhã desta quinta-feira (26), a prefeita de Salete, Solange Schlichting (Chica), acompanhada do secretário executivo da ADR de Taió, Jardel Fronza, do prefeito de Rio do Campo, Rodrigo Preis, e autoridades municipais recebeu o presidente da Celesc, Cleverson Siewert, e demais representantes da empresa. O encontro foi para falar sobre investimentos de melhorias no fornecimento da energia elétrica.

Publicidade

O presidente da Celesc abriu sua fala frisando da importância da parceria com os municípios na resolução dos problemas de fornecimento. Na sequência, ele explanou sobre os investimentos que irão melhorar a rede elétrica, especialmente para as cidades de Salete e Rio do Campo.

A Celesc vai investir R$ 3 milhões em um projeto que englobará a instalação de um alimentador especifico na região, além de troca de materiais e mudança do local da rede. “Será uma obra que abrangerá 16 km de extensão, hoje existe uma linha de transmissão que passa por meio de mata, vamos tirar e colocar na beira da rodovia, trazer para um local protegido que não bata na vegetação”, explicou Cleverson.

Ainda, segundo Cleverson a licitação para as melhorias da rede elétrica deve ser lançada nos próximos dias e aberta até o final do ano. A expectativa é que as obras iniciem em janeiro e que até em maio ou junho de 2018 estejam concluídos os trabalhos.

O Prefeito Rodrigo Preis disse que com as melhorias, Rio do Campo também será beneficiado “Há muitos problemas envolvendo a rede de energia entre Taió, Salete e Rio do Campo. Hoje, um apagão em Rio do Campo, resulta em horas de espera para o restabelecimento da energia. Com as melhorias, será possível ligar a energia que chega a Rio do Campo via Taió, através do município de Salete. Isso irá reduzir significativamente o tempo em que a cidade fica sem energia”, falou.

Preis ainda aproveitou a oportunidade para reivindicar ao presidente da Celesc, melhorias para Rio do Campo. Conforme ele, há problemas na região de Rio da Prata, Serra do Mirador, e outras localidades próximas.

*Colaborou: Odair José Ferreira

COMPARTILHAR