O Programa Segundo Tempo, do Governo Federal, tem como objetivo democratizar a prática e a cultura do Esporte, promovendo o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens como fator de formação da cidadania e melhoria da qualidade de vida.

Publicidade

Neste ano, dos 68 projetos inscritos no programa em Santa Catarina, 14 foram habilitados. Entre eles, está o inscrito pela Secretaria de Educação e Esporte de Mirim Doce. “Nosso projeto intitulado Aprender a Conviver ficou entre os seis melhores de Santa Catarina, sendo o único habilitado no Alto Vale”, ressalta a secretária Elaine Borghesan.

A ideia é envolver crianças e jovens, de 6 a 14 anos de idade, em atividades semanais: nas manhãs e tardes das segundas, terças e quartas-feiras. As modalidades trabalhadas serão tênis de mesa, handebol, vôlei, basquete, badminton, peteca e jogos de mesa.

A prática das atividades e a compra dos materiais e uniformes serão custeadas pelo Ministério do Esporte. O investimento previsto em Mirim Doce é de pouco mais de R$ 102 mil.

COMPARTILHAR