Foto: JATV

O prefeito de Rio do Sul, José Thomé, teve o diploma cassado nesta quarta-feira (20) de setembro. A sentença foi proferida pelo juiz da 26ª Zona Eleitoral, Rodrigo Tavares Martins, com base em um inquérito de mais de 1,5 mil páginas.

Publicidade

A investigação foi realizada pelo Departamento de Investigação Criminal (DIC), da Polícia Civil de Rio do Sul, e apontava indícios da prática de Caixa 2, que é o dinheiro utilizado na campanha dos candidatos, sem a devida prestação de contas à Justiça Eleitoral nas eleições realizadas no ano passado. À sentença cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral. Enquanto isso, Thomé poderá permanecer como prefeito de Rio do Sul.

Thomé foi eleito pela coligação Renovação e Trabalho para Crescer, formada por PRB, DEM, PP, PSDB, PSD, PROS e PSB, e alcançou 17183 votos, 47,67% dos votos válidos. Acompanhe mais informações em nossa edição impressa.

Informações do Jornal Diário do Alto Vale

COMPARTILHAR